Curta nossa Página

Estaremos Presentes

Não há eventos futuros

Argo Solutions comemora resultados de 2017

//Argo Solutions comemora resultados de 2017
Alexandre Arruda

A Argo Solutions, líder brasileira em tecnologia para gestão de viagens e despesas corporativas, tem muito que comemorar neste final de 2017. A empresa fecha o ano com um crescimento, em relação a 2016, de 20% em receita, devendo romper a barreira dos R$ 19 milhões, além de superar 135% de lucro líquido. Veja aqui o infográfico.

“Este foi um ano importante para consertar a casa, um período de grandes ajustes na empresa. Foi um ano desafiador, em que revisitamos nossas bases, revimos nosso foco e preparamos a companhia para os próximos 10 anos”, diz Alexandre Arruda, CEO da empresa. A Argo Solutions fecha o ano com mais de 3,8 milhões de usuários ativos, cerca de 4 mil clientes corporativos e mais de 210 resellers, em 19 países. Estes números, no começo do 2017, eram de 3 milhões de usuários, 3 mil corporações, 160 resellers e 10 países.

Temos muitos pontos positivos para celebrar. Crescemos 43% em número de licenciados diretos das nossas ferramentas e dobramos o número de clientes diretos. Ainda que tenha sido um ano difícil e de muitos desafios técnicos, quebramos paradigmas em relação ao nosso posicionamento de protagonismo frente ao mercado. Por estes e outros motivos, estimamos um crescimento de 33% em 2018”, afirma Gabriel Barreiros, COO da Argo Solutions.

As mudanças realizadas durante o ano, em relação a estrutura e gestão, contribuíram para tornar a empresa menos burocrática, mudar o clima organizacional e, consequentemente, melhorar ainda mais os negócios. Entre elas, destacam-se a chegada de novos executivos e a posse de Alexandre Arruda como CEO.

Segundo Jean Schmidt, CFO da Argo Solutions, consolidar uma gestão baseada na transparência foi importante para os colaboradores, que sentiram o crescimento da sua importância e da sua participação na empresa, o que aumentou o comprometimento com o resultado, impactando diretamente no desempenho.

As mudanças passaram, ainda, pelo processo de vendas e pela área de Produtos, que se estruturou. Para Leandro Lavra, Gerente de Produtos da empresa, a área se desenvolveu ao olhar para o mercado como um todo, independentemente das customizações solicitadas pelos clientes. “Trabalhávamos predominantemente de forma reativa. Este ano, começamos também a, cada vez mais, apresentar novas soluções”.

Este movimento aconteceu também na área de treinamento, segundo Wagner Amarelo, Gerente de Operações. “Nossa área de treinamento funcionava sob demanda. Hoje, passamos a ser mais proativos e também a promover ações voltadas para o mercado”, explica.

Expansão internacional

O CEO Alexandre Arruda destaca, ainda, que 2017 foi ano de consolidar a operação internacional. No México, a Argo Solutions cresceu 190% em relação a 2016. A quantidade de licenciados na América Latina dobrou no último ano. “Iniciou-se, também, um processo de regionalização, voltado para clientes que têm operações em diversos países que contam com atuação da companhia. A ideia é fazer com que eles operem a mesma ferramenta em mais locais”. Arruda tem grandes planos. “Vamos expandir ainda mais nossa atuação internacional em 2018, quem sabe para outros continentes”.

Para Armando Monteiro, CTO, o desafio vem do fato de que cada um dos 19 países que a Argo Solutions atende é diferente, sendo que todo desenvolvimento é feito aqui, no Brasil. “Muitas vezes, o que funciona para o nosso mercado não funciona para os outros, por motivos como cultura de uso, impostos e processos e até mesmo momentos diferentes que os países atravessam”, diz o executivo, ressaltando a importância de respeitar as características do usuário local.

O ano positivo pode ser comprovado, também, por diversos recordes batidos ao longo dos 12 meses. Em março, setembro e novembro, a Argo Solutions rompeu a barreira das 600 mil transações mensais, fechando o ano com um total de mais de 7 milhões de transações, um aumento de 15% em relação a 2016.

Por todas estas razões, as expectativas para 2018 são ainda mais otimistas. “Hoje, contamos com 55% do mercado brasileiro. Mas não está nos nossos planos estagnar nesta porcentagem, afinal, ainda temos 45% de possibilidade de crescimento no país”, finaliza o COO Gabriel Barreiros.

Veja aqui o infográfico.